Conheça agora o incrível Chá Assa-Peixe

Aprenda agora sobre os benefícios do Chá Assa-Peixe, indicações, propriedades e contraindicações.

Sendo uma erva muito comum aqui no Brasil, a Assa-Peixe cujo nome científico é (Vernonia polyanthes), é uma planta que cresce em forma de arbusto e pode atingir até 3 metros de altura.

O assa-peixe também pode ser conhecido por outros nomes, como: cambará branco, chamarrita, mata pasto e enxuga.

É uma planta silvestre, comum nos cerrados de São Paulo, Mato Grosso, Minas gerais e Goiás; sendo o seu uso medicinal nessas regiões comprovado por vários estudos.

Reproduz-se por sementes em solos pouco férteis e multiplica-se com facilidade em terrenos de pastagem e solos pouco férteis, nas beiras de estradas, nos lugares abertos, sendo, por isso, considerada como planta daninha nas culturas perenes.

A utilização é muito comum em casos de tosses persistentes e bronquites. Porém, sua eficácia se dá em outros casos, como gripes e resfriados, pois o mesmo possui propriedades expectorantes.

Já falou-se que houveram casos em que o chá assa-peixe combateu pneumonia. Mas o que pouca gente sabe é que o assa-peixe também é eficaz no tratamento das dores musculares.

Para amenizar a dor, deve ser feito o uso tópico do mesmo chá em compressas no local afetado.

Os efeitos positivos do assa-peixe são confirmados por pesquisadores brasileiros. Seguindo o modo correto de preparo da infusão e respeitando as quantidades indicadas, é possível obter bons resultados com a receita de chá.

Agora que você já sabe informações básicas porém importantes sobre o assa-peixe, agora que lhe ensinar sobre seu chá.

Continue a leitura deste artigo e aprenda logo abaixo quais são as indicações, benefícios, propriedades e contraindicações…

Indicações:

  • Gripe,
  • Bronquite,
  • Asma,
  • Tosse,
  • Cálculos renais,
  • Dores Musculares
  • Antiasmática,
  • antigripal,
  • Print-hemorroidária,
  • Antilítica,
  • Balsâmica,
  • Béquica,
  • Diurética,
  • Expectorante,
  • Hemostática e
  • Tônico pulmonar.

Benefícios:

  • É eficiente no tratamento das dores musculares. Para aliviar a dor, deve ser aplicado diretamente com a infusão do mesmo chá de assa peixe, só que compressas no local afetado.
  • O chá de assa peixe contém propriedades que incluem a sua ação balsâmica, expectorante, fortificante, hemostática e diurética.
  • É expectorante, (ajudando a eliminar o catarro acumulado das vias respiratórias).
  • Trata casos de bronquite, asma, pneumonia, dor muscular, reumatismos (usado em casos de febres altas).
  • A raiz que é utilizada em um chá tem poder hemostático, quer dizer, previne hemorragias.
  • Auxilia no tratamento de afecções que estão localizadas no útero, rins, combatendo hemorroidas, litíase (cálculos) nos rins, pois é diurético.
  • Inclusive é excelente o tratamento de afecções de pele, contusões e até diabetes.

Propriedades:

É rica em sais minerais, diurética, tem também a ação balsâmica e expectorante. Possui propriedades muito úteis a nossa saúde, as partes utilizadas medicinalmente são suas folhas e raízes.

Estas ajudam no combate de afecções de pele, bronquite, cálculos renais, asma, pneumonia, dores musculares, gripe, retenção de líquidos, tosse entre outros.

A raiz tem poder hemostático, e contém hemorragias, trata afecções de útero, rins, ajuda no combate a hemorroidas, cálculos renais, contusões e até diabetes.

ATENÇÃO!!

Se você deseja receber as informações complementares sobre Chá Assa-Peixe como modo de preparo, o que é, como se deve utilizar é só acessar www.curapeloschas.com.br.

Não gaste dinheiro com consultas e medicamentos que só irá aumentar seus problemas, lá você encontrará um vídeo que explica sobre o programa Cura pelos Chás, além de 150 chás, com mais de 60 doenças que irão mudar sua vida completamente.

Contraindicações:

  • Mulheres grávidas ou em período de amamentação, crianças, pessoas com alergia à folhas, raízes, plantas.
  • Pessoas que sofrem com doenças crônicas, também precisam tomar cuidado com a ingestão de chás, pois alguns podem agravar os sintomas da doença.
  • O mesmo cuidado deve ser tomado por gestantes, já que alguma ervas, quando consumidas em excesso, podem levar ao aborto.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *